quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

A chama que não queima



Desejo a todos um Natal iluminado.
Mas que a luz límpida, purifique. E lave das nossas vidas a soberba, o egoísmo, a vaidade vã, o preconceito, a intolerância.
Que a claridade do saber transborde. E encha nossos dias de humildade, compreensão, contentamento sincero e esperança.
Que a energia fulgurante borbulhe. E sacie nossa sede de justiça, paz, sabedoria legítima e harmonia.
Que a tocha úmida irradie a prosperidade. E satisfaça nossa carência de atenção, humanidade, respeito consciente e perdão.
Que o cálice da vida nos refresque.
Brindemos em nome do absoluto Amor!

Imagem: http://www.graphic-exchange.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário