sábado, 4 de junho de 2011

Da Licença?


Meu quase meio século de vida trouxe um pouco de experiência, autoridade e sabedoria...ou quase isso. O que eu vivi, aquilo que provei e tudo por que passei deixaram marcas e me fizeram o ser político que sou, a mãe possível que sou, a mulher mais ou menos que sou e por aí afora. Tento entender a sociedade em que vivo - sem muito sucesso, procuro contribuir para a preservação do planeta e busco ser pragmática no meu cotidiano, pero sin perder la ternura. Principalmente, estou atenta à dor e à delícia de ser o que sou.
Mas, pôxa, da licença de conversar bobagens de vez em quando?
Da licença de ter uma certa breguice?
E daí se ponho uma foto engraçada no Facebook?
Da licença de ter ataque de riso?
Da licença de chorar quando vejo um filme, comercial de cachorro ou ouço uma música especial?
Que importa se eu converso com qualquer um e se cumprimento quem eu não conheço?
Da licença de sentir melancolia e de ter saudade de outros tempos?
Qual é o problema de ser piegas?
Ser de "esquerda", ofende?
Da licença de trocar o salão de beleza por um livro?
E defender minhas ideias, pode ser?
Da licença de gostar de jiló?
Da licença de a-do-rar chocolate?
(Mas não juntos)
Posso escolher ser vegetariana?
É permitido tomar "umas" de vez em quando e ficar "altinha"?
E querer comentários no blog, pode?
(Isso é um recado, gente, comenta aê!)
Da licença de querer assistir 2 filmes, um atrás do outro?
Da licença de detestar novela?
Da licença de não ter carro e não saber dirigir?
Da licença de perder as estribeiras de vez em quando?
É pecado duvidar?
Algum problema em ter algumas certezas?
Da pra gostar de bicho, ou não?
Provavelmente não estarei aqui para comemorar meu centenário de nascimento, o que será uma pena!
Por isso, por muito mais que isso, da licença de eu ser eu e tentar ser feliz?

Foto: Gentileza da Leninha, tirada em maio de 2010.

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Você tem permissão pra isso e muito mais!!!!
    Principalmente pelos bons momentos que tenho lendo seu blog, que alías, dou os enfadonhos parabéns SEMPRE!
    Só não concordo pela "não" comemoração do centenário...vai abandonar o barco? Justo agora que tenho o blog pra me fazer voltar no tempo?
    Não mesmo!!!Lembre-se, se seu avô beirou os 100, vc vai ultrapassar!!!
    E esse post de hoje foi mais que ótimo!!!
    (parabéns)...hehehe

    ResponderExcluir
  3. Concordo e assino em baixo, no meio e se precisar, em cima tb. Bjo da sua irma que vc mais ama

    ResponderExcluir