sexta-feira, 18 de junho de 2010

Fifi e Gegê




Era uma vez um casal.
Sei que existem muitos outros,
Mas esse era especial
Usei o verbo no passado
Pra começar a história
Mas a dupla é atual

Eles têm cinco filhos
Um desses é o mais legal
Na realidade, é uma
Essa uma, é a Leninha
Por muito e muito tempo
Uma amiga sem igual

A palavra que define
Esse par sensacional
É a generosidade
Que pela graça divina
Explica o que eu considero
Ser excepcional

Gentileza e alegria,
Sinceridade total.
Sempre me receberam
Com tanta espontaneidade
E isso só me inspira
Carinho incondicional

Fosse na casa ou no sítio
Numa época especial
Ou mesmo no dia a dia
Tive exemplos de bondade,
Talento, consideração
E respeito proporcional

Têm os nomes compridos
Isso é circunstancial
Por isso eu abreviei
Por comodismo e ternura
Chamei de Fifi e Gegê
Como forma opcional

Por isso deixo marcado
Nesse blog coloquial
Palavras que encontrei
Em homenagem sincera
A essas pessoas queridas
Com afeto intencional


Eu sei que eles merecem
Mais que um poema ocasional
Mas por enquanto é o que tenho
De mais significativo
Um depoimento simples
Com rima até o final






Fotos: Acervo pessoal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário