quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Oliveira


Quem gosta de piada levanta a mão!
Era com o Fabão, mesmo. O primeiro a chegar nas festas e o último a sair... isso, quando saía. Tinha vez que dormia no local e começava de novo no dia seguinte.
Gostar mais que de festa, acho que só de pescaria. Qualquer pescaria. Será que pescou na Pampulha? Tenho minhas dúvidas...
E viajar. Qualquer lugar. Até Ouro Preto, que ele achava horrível, mas ia assim mesmo. Costumava falar: "Em fotografia colorida, até Ouro Preto é bonita". E foi de uma viagem que contou outro caso:


O Cozinheiro de Oliveira

Uma vez em Oliveira, já estava cansado de "tanta bicha" que via. Tudo muito delicadinho, muito bonitchinho, rebolandinho e tal. Deu uma fome danada (que milagre!) e foi procurar um restaurante para almoçar. Veio um atendente bem normal (!!)
_ Pois não, senhor.
_ Me serve uma refeição, por favor. E uma cerveja beeem gelada!
_ Bife de boi, bife de porco, frango ou peixe frito?
_ Pode ser o peixe. Caprichado, tá bom?
_ É pra já!
Até que enfim sem frescura!
Foi quando o cozinheiro chega naquele passa-pratos entre a cozinha e o salão e pergunta com jeito inconfundível:
_ Quer o peixe bem torrathinho?

Consegui a foto assim: Pesquisei "veado" na internet. Apareceu a foto, copiei e, como não sabia que tinha que colocar crédito, não prestei atenção. O dono, desculpe e manifeste-se, por favor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário